Cavalgada toma as ruas de Imperatriz na abertura da 50ª Expoimp

A cavalgada é realizada todos os anos para convidar a cidade para a Expoimp e mostrar o potencial do campo.

Maranhão Notícias

IMPERATRIZ – Com a 27ª edição da Cavalgada de Imperatriz, foi aberta oficialmente, na manhã deste sábado (7), a 50ª Exposição Agropecuária de Imperatriz (Expoimp), considerado um dos maiores eventos do setor produtivo no Maranhão. A exposição prossegue até o dia 15 no Parque de Exposições Lourenço Vieira da Silva com uma vasta programação de shows com artistas de renome nacional, leilões, palestras, oficinas, leilões e os shows musicais.

Desde as primeiras horas da manhã era grande a movimentação na cidade com a chegada de caravanas e caminhões com animais de fazendas de vários municípios da Região Tocantina e até de municípios de Estados vizinhos a área da Beira-Rio e Praça da Cultura, local da largada. São dois os objetivos da cavalgada: convidar a cidade para a Expoimp, mostrar o potencial do campo além de promover uma confraternização entre cavaleiros e amazonas, em sua maioria peões das fazendas.

Comitivas das fazendas participam da cavalgada 2018. Foto: Maranhão Noticias.

A cavalgada foi organizada em pelotões ou setores. Quatro cavaleiros compunham a comissão de frente com as bandeiras, seguidos pelo trio elétrico, e logo atrás, o pelotão formado pela diretoria do Sindicato Rural, autoridades e demais convidados de honra, e as carroças.

As comitivas tiveram um motivo a mais para se organizar: premiação. A Prefeitura de Imperatriz anunciou que vai premiar as comitivas mais organizadas e animadas.

A comissão ou pelotão das bandeiras chamou a atenção do público que acompanhou o evento das calçadas. Foto: Maranhão Noticias.

“Já conhecemos o potencial de Imperatriz e região para o agronegócio e esta festa, a Expoimp, a cavalgada, personifica esta vocação da região e como prefeito vou sempre ajudar”, disse o prefeito Assis Ramos (MDB).

A animação foi um dos pontos altos da cavalgada que voltou a contar com tendas em pontos específicos do percurso, nas ruas centrais da cidade. Nas margens da rodovia esse tipo de apoio foi proibido por questões de segurança.

Também de segurança, a Polícia Rodoviária Federal proibiu que o trio elétrico percorresse a BR-010 levando pessoas abordo como aconteceu durante o percurso nas ruas e avenidas centrais. Para a diretoria do Sinrural, as mudanças ajudaram a melhorar o evento que foi marcado por sucesso.

“Estamos começando a Expoimp com a maior cavalgada que Imperatriz já viu, que se Deus quiser vai ser um grande sucesso”, disse o presidente do Sinrural, Armelindo Ferrari.

A diretoria do Sinrural, autoridades e um radialista seguindo pela avenida Getúlio Vargas, próximo ao Entroncamento coma BR-010. Foto: Maranhão Noticias;

Carroças

Pelo cronograma da cavalgada, as carroças foram as últimas a sair da ára de concentração e a chegar ao Parque de Exposições Lourenço Viera da Silva.

Como em anos anteriores, elas só puderam chegar até a sede do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DENIT), na ponte do riacho Cacau. As decorações foram o ponto alto das carroças. ( Foto: Maranhão Noticias).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *