Duplo homicídio no Parque das Estrelas começa ser investigado pela Polícia Civil, em Imperatriz

A policia prendeu Raimundo da Silva de Sousa, morador do condomínio, como principal suspeito do duplo homicídio a golpes de picareta.

Maranhão Notícias

IMPERATRIZ – A Polícia Civil trabalha como a hipótese de duplo homicídio para o caso do achado de dois corpos, na tarde dessa segunda-feira (17), no interior de um condomínio no bairro Parque das Estrelas cujas vítimas foram identificadas como sendo os homossexuais Emanoel, de 42 anos, conhecido como Valquíria e Gabriel, de 19 anos. O suspeito como autor do crime é Raimundo da Silva de Sousa, 34 anos, também homossexual, conhecido por “Alícia”, que foi preso, ainda, na tarde de ontem.

Foto: Divulgação.

A Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa  (DHPP), abriu inquérito para apurar o crime e as suas motivações.

Preso no local do crime, Raimundo da Silva negou envolvimento com o crime. Ele disse aos policiais que estava fora da cidade há dois dias, mas acabou sendo preso e autuado em flagrante pelo crime e deve, na manhã desta terça-feira, ser transferido para a Unidade Prisional de Ressocialização de Presos de Imperatriz (UPRI).

Foto: Divulgação.

Os corpos foram localizados depois que vizinhos desconfiaram da pouco movimentação no condomínio e um deles arrombou a porta. Os corpos estavam dentro do apartamento e havia no local uma picareta, instrumento que segundo a Perícia Técnica foi usado para a execução dos crimes.

Investigações

Foto: Divulgação.

A policia busca a motivação do duplo homicídio e traçar toda a dinâmica dos crimes, que ocorreram no condomínio localizada na  Rua Iporanga, Parque das Estrelas.

A picareta foi apreendida no local do crime e será periciada. Nos corpos, foram encontradas lesões na cabeça compatíveis com o emprego da picareta. As investigações estão sendo realizadas pelo delegado Praxisteles Martins.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *