Imperatriz perde em casa para o Sampaio no retorno do Campeonato Maranhense

O Cavalo de Aço recebeu o Tricolor e perdeu por 1 a 0 em um gol que houve falha na zaga cavalina.

Maranhão Notícias

IMPERATRIZ – O Sampaio Corrêa venceu o Imperatriz por 1 a 0, na noite deste sábado (1º), no Estádio Frei Epifânio, no jogo de retorno das duas equipes ao Campeonato Maranhense após a parada devido a pandemia. A partida foi, ainda, válida pela 4ª rodada do Estadual e deixa o Tricolor com 13 pontos, na vice-liderança, enquanto o Cavalo de Aço se mantém em 9 pontos na 5ª posição.

Como era esperado, os dois times entraram em campo nitidamente sentindo a falta de ritmo. No primeiro tempo o Imperatriz teve apenas uma chance real de gol, aos 27 minutos num chute de Hudson, que obrigou o goleiro João Gabriel a fazer grande defesa.

O Sampaio teve sua melhor oportunidade, aos 40 minutos, quando teve uma sequencia de jogadas que a zaga afastou, duas vezes e na terceira André Luiz arriscou um chute numa sobra de bola que obrigou Jairon Lourenço a fazer grande defesa.

Na etapa final, Imperatriz e Sampaio melhoraram em campo. A “Bolívia Querida” mostrou mais entrosamento e chegou com perigo na grande área cavalina até marcar o gol da partida, aos 7 minutos com Roney. No lance, João Victor avançou pela esquerda e foi ao fundo e cruzou para pequena área e Roney só teve trabalho de receber e chutar, sem marcação, quase caindo para o canto esquerdo do Jairon Lourenço.

Depois do gol, o Imperatriz melhorou, embora com dificuldades nas finalizações. Em jogadas pelas pontas, andou perto de empatar, mas ficou no quase. O desgaste, a falta de entrosamento devido ao pouco tempo de treino e ainda o fato de ter atuado com jogadores improvisados estão entre os motivos da derrota colorada.

O Imperatriz volta a campo na terça-feira(4), às 15h30 no Frei Epifânio quando receberá o Pinheiro. Já o Sampaio vai até o Pinheirão, em São Mateus, onde enfrenta os donos da casa, o Juventude Samas.

Novidades da partida

A partida foi bem diferente do que o torcedor estava acostumado. Devido a pandemia os portões do Frei Epifânio permaneceram fechados. Atletas, integrantes da comissão técnica e imprensa fizeram testes para diagnóstico de Covid-19. Os vestiários estavam higienizados só foram abertos com a chegada dos times, mas o Sampaio preferiu ficar no gramado quando o juiz apitou o fim do primeiro tempo.

Os repórteres de rádio que fazem a cobertura do jogo não foram autorizados a descer para as laterais do gramado. Desta vez eles ficaram nas arquibancadas do lado coberto.(Fotos: Vagner Grigorio, da Assessoria do Imperatriz).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *