Justiça condena homem que matou irmão a facadas em Alcântara

A sessão do Júri Popular ocorreu esta semana em Alcântara e mobilizou a população da cidade em razão da grande repercussão do crime na época.

Maranhão Notícias com informações da assessoria

ALCÂNTARA – O Tribunal de Juri Popular da cidade de Alcântara condenou o réu o réu Aldecy Mendes Pereira a 28 anos de prisão em regime fechado pelo assassinato do próprio irmão Genival Mendes Pereira. O crime foi no dia 8 de dezembro de 2017 e causou grande repercussão na cidade de Alcântara.

De acordo com o Ministério Público, foi a golpes de facão e sem qualquer oportunidade de defesa para a vítima.

Aldecy Mendes cumprirá a pena no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís, onde já se encontra preso. Com essa sessão do dia 4, o Judiciário em Alcântara encerrou uma série de 11 sessões do Tribunal do Júri realizada no ano de 2018, com o julgamento de 13 réus no total.( Foto: Arquivo).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *