Pedida prisão preventiva de suspeito de matar ex-companheira com 12 facadas em Balsas

Vando Gomes tentou suicídio e foi socorrido ao hospital público de Balsas.

Maranhão Notícias

BALSAS – Suspeito de matar a ex-companheira Adaléia Carvalho da Silva, 25 anos, e depois tentar o suicídio, Vando Gomes do Nascimento teve o pedido de prisão preventiva em seu desfavor solicitada à Justiça segundo informações da TV Mirante.  O caso foi em Balsas, a 810 Km e São luís, no  Sul do Estado e comoveu todo o Estado.

De acordo com a polícia, testemunhas disseram em depoimento que Vando Gomes foi até a casa onde morava a ex-mulher dele, na Rua Tito Coelho no bairro Bacabal, na madrugada de domingo (3), ocasião em que pulou o portao, bateu na porta da cozinha e ao ser atendido teve uma discussão com Adaléia e terminou por aplicar 12 golpes de faca na ex-companheira que morreu em virtude dos ferimentos. A vítima tentou fugir, sem êxito.

Após o crime, ainda, segundo a polícia, Vando pegou uma faca e desferiu contra ela um golpe no peito.

Socorrido por populares, o homem deu entrada e permanece internado no Hospital Municipal de Balsas sem correr risco de morte.

A Polícia Civil representou pelo Mandado de Prisão Preventiva à Justiça em desfavor do suspeito que deverá deixar o hospital direto para a cadeia. Enquanto isso, policiais serão colocados no hospital para evitar que Vando fuga.

Adaleia Carvalho da Silva deixou dois filhos. ( Foto: Divulgação).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *