Policia investiga assassinato de ex-presidiário por dupla de moto em Imperatriz

A vítima foi identificada como Lindomar de Farias Silva, 34 anos, que estava há dois meses em liberdade.

Maranhão Noticias

IMPERATRIZ – A policia já requisitou imagens de câmaras de seguranças próximas do local como parte das investigações para tentar identificar os autores do assassinato do ex-presidiário Lindomar de Farias Silva, 34 anos. O crime foi por volta das 15h dessa sexta-feira (4) e os suspeitos estavam em uma moto Bros, de cor preta, segundo informações de testemunhas.

De acordo com informações da Policia Civil, Lindomar de Farias estava trabalhando como servente de pedreiro numa construção na rua Coronel Manoel Bandeira, próximo a Praça da Cultura, quando foi executado a tiros. Vizinhos disseram ter ouvido seis tiros.

As investigações iniciais apontam que uma moto Bros de cor preta parou próximo e um homem que estava na garupa desceu, foi até a obra e cometeu o crime. Em seguida a dupla fugiu.

O delegado regional Eduardo Galvão informou à imprensa que dentre as várias passagens que teve pela policia, Lindomar de Farias esteve preso por assalto em 2013, mas antes, em 2010 já havia passado pelo Complexo de Pedrinhas onde foi um dos líderes de rebelião. Ele estava em liberdade há apenas dois meses.

Para o delegado, o crime tem as características de execução.

A morte de Lindomar é o primeiro assassinato de abril em Imperatriz. ( Foto: Divulgação).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *