Por conquistas, Renato Gaúcho deve ganhar uma estátua no Grêmio

O treinador é o primeiro brasileiro a conquistar a Libertadores como jogador (1983) e treinador (2017).

Maranhão Notícias

LANÚS, ARGENTINA – A conquista do tricampeonato da Libertadores deverá reforçar a campanha em prol da construção de uma estátua no Grêmio para o treinador Renato Gaúcho. Torcedores e alguns diretores do Grêmio já vinham defendendo a homenagem ao treinador antes mesmo da conquista da América, na noite de quarta-feira (29), na Argentina.

Com atuação como jogador em vários clubes brasileiros, Renato Gaúcho entra para a história do futebol como sendo o primeiro brasileiro a ser campeão da Libertadores da América como jogador, em 1983, e como treinador, em 2017, em ambas as ocasiões pelo Grêmio.

Após o título da Libertadores, Renato viaja com o elenco para Porto Alegre, onde chega por volta das 6h desta quinta-feira em voo fretado. Renato, vai, em seguida, pegar uma folga de três dias no Rio de Janeiro, mas segundo a Rádio Gaúcha, ele deve definir pela renovação de contrato.

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr., informou que jogadores e comissão técnica vão ter pouco tempo de descanso porque na madrugada do dia 6 viajam para Abu Dhabi,capital dos Emirados Árabes Unidos e também o maior de todos os Emirados, onde vai fazer a semifinais do Mundial de Clubes. ( Foto: Fox Sports/Divulgação).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *