Concursados da PM fazem novo protesto em São Luís para cobrar nomeações

Cerca de mil e oitocentos candidatos aprovados no concurso público da Policia Militar em 2017 fizeram o curso de formação, ganharam contra-cheque de servidor e aparecem no portal do servidor como exonerados.

Maranhão Notícias

SÃO LUÍS – Concursados aprovados no concurso da Policia Militar de 2017 e dispensados após fazerem o curso de formação de soldado da instituição voltam a protestar pelas ruas de São Luís.  Eles cobram a convocação por parte do Governo do Estado e contestam informação de que eles não haviam sido efetivados pelo Estado.

Perfilados e levando faixas, os concursados percorreram ruas centrais da Capital para mostrar toda sua indignação e revolta com o tratamento que estão recebendo do Governo Estadual.

Após fazerem o curso de formação de soldado da PM os candidatos receberam contra-cheque de servidor público, mas oficialmente são tidos pelo governo como oficiais do cadastro de reserva, mas no sistema do portal do servidor eles estão identificados como exonerados.

Em nota para a TV Mirante, o governador Flávio Dino informou que os concursados só deixaram de receber a bolsa que custeava do curso e não foram nomeados.

O protesto realizado nessa sexta percorreu a ladeira da Rio Branco, Avenida Beira-Mar e parou em frente ao Palácio dos Leões, sempre marchando, falando palavras de ordem e com faixas com suas reivindicações. Os manifestantes estão acampados D. Pedro II, desde o dia 25.

O outro lado

O Governo do Estado informou que as nomeações foram feitas de acordo com o número de vagas divulgadas no edital do concurso. O governo disse que os aprovados em cadastro de reserva serão nomeados conforme a disponibilidade financeira e com a Lei de Responsabilidade Fiscal. Com as informações da TV Mirante.( Foto: Reprodução).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *