Dois homicídios e um achado de ossada humana marcam segunda-feira em Imperatriz

A Polícia Civil está investigando os dois casos de violência em Imperatriz que vieram atona nesta segunda-feira(25).

 

Maranhão Notícias

IMPERATRIZ – Três ocorrências de mortes violenta marcaram esta segunda-feira(25), em Imperatriz, no Sudoeste do Estado. Nos dois casos não há informações sobre autoria.

Populares encontraram uma ossada humana num matagal localizado por tras do residencial Gran Village, na área do Santa Inês.

Peritos do Instituto de Criminalistica(ICRIM), estiveram no local e fizeram levantamentos de praxe e os restos mortais da pessoa foi removido para o IML-Icrim.

Os levantamentos iniciais sinalizam para a possibilidade de ser um idoso desaparecido há mais de um ano, após sair do bairro Sebastião Régis. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa(DHPP).

Não resistindo aos ferimentos, morreu no hospital o jovem Mateus Ferreira Sousa.  Ele foi atingido com pelo menos 15 golpes de faca durante uma briga no bairro Ouro Verde. Um adolescente de 17 anos, que já teve passagem pela Funac por ato infracional correlato a roubo de celular, também, foi morto a tiros por motoqueiros. Os casos estão sendo investigados pela Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa(DHPP). (Foto:Arquivo).

Texto alterado às 7h desta terça-feira(26), para a atualização de informações sobre a morte do adolescente ex-interno na Funac.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *