Eclipse lunar brinda astrônomos e curiosos em todo o Brasil

O fenômeno coincidiu com o aniversário de 50 anos da viagem do homem a lua.

Maranhão Notícias com informações da Agência Brasil

BRASÍLIA – Na noite dessa terça-feira(16), ocorreu um eclipse parcial da Lua.  O fenômeno coincidiu com  a data do aniversário de 50 anos da chegada do homem ao satélite natural da Terra e foi comemorado por astrônomos e entusiastas em Brasília.

Na capital federal, desde observadores se reuniram na Praça dos Três Poderes para ver eclipse lunar parcial que pôde ser visto em todo o Brasil.

Em Brasília o eclipse começou por volta das 18h e apresentou o ápice de visibilidade por volta das 18h30. As pessoas se revessaram na fila para utilizaram equipamentos disponibilizados para a observação.

Dentre os equipamentos disponibilizados, um dos mais concorridos pelas pessoas foi o telescópio do engenheiro aposentado, Delfino Lima, 74 anos, que construiu o próprio equipamento.

O equipamento foi  congresso nacional de astronomia, em Brasília, há cerca de três anos. Na ocasião, um astrônomo ministrou uma oficina de confecção de telescópios.

“Por exemplo: o eclipse lunar é uma das provas de que a Terra não é plana. O fato de a gente ver que a projeção da sombra da Terra na Lua, uma sombra curva, é uma evidência de que a Terra é esférica. Então, nesses eventos, a gente mostra que se a Terra fosse plana, a gente veria um risco, não um disco encobrindo a Lua”, disse  Lima. “Eventos dessa natureza ajuda a gente explicar para o público em geral que esses conceitos podem ser aprendidos de uma forma simples e lúdica”, arrematou.

Em vários pontos do Brasil as pessoas fizeram observação do fenômeno a olho nu, mas a concorrência aumentou em locais que forma disponibilizados telescópios que permitem observação com riqueza de detalhes.(Fotos: Marcello Casal Jr, da Agência Brasil).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *