Força Nacional de Segurança chega nesta quarta-feira ao Maranhão

Homens da Força Nacional de Segurança vêm ao Estado para garantir a segurança de índios e servidores da Funai.

Maranhão Notícias 

SÃO LUÍS – A Força Nacional de Segurança chega nesta quarta-feira(11), ao Maranhão para atuar na Terra Indígena Cana Brava Guajajara, no Maranhão. A autorização da vinda desses policias ao Estado partiu do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, na segunda-feira (9/12) após um atentado contra índios na BR-226, na Reserva Indigena Cana Brava que resultou na morte de dois caciques e ferimentos em outros dois indígenas.

Segundo a Fundação Nacional do Indio(Funai), um grupo de índios saiam de uma reunião com representantes da Eletronorte sobre e Funai, para discutir sobre a compensação aos indígenas pela passagem do Linhão de Energia por dentro da reserva indígena quando um carro branco se aproximou e desconhecidos abriram fogo contra o indígenas.

Nessa ação criminosa morreram os caciques Firmino Silvino Guajajara e Raimundo Bernice Guajajara, na área do município de Jenipapo dos Vieiras, localizado a 506km de São Luís. Ficaram feridos na ocasião os indígenas Nico Alfredo Guajajara e  Nelsi Guajajara.

Nico continua internado em estado grave, com lesões no intestino e na bexiga e sem previsão de alta enquanto Nelsi se recupera bem e não corre risco de morte.

Nessa terça-feira o presidente Jair Bolsonaro comentou os assassinato e disse que as mortes preocupam o governo. “Preocupa, qualquer morte preocupa. Queremos cumprir a lei, somos contra o desmatamento ilegal, contra a queimada ilegal. Tudo que for contra a lei somos contra”, destacou o presidente.(Foto: Arquivo).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *