Fundação Rio Tocantins promove palestra para estudantes de escola privada

A palestra foi ministrada pelos irmãos e integrantes da Academia Imperatrizense de Letras (AIL), Domingos Cezar e Zeca Tocantins.

Maranhão Notícias com informações da assessoria

IMPERATRIZ – Alunos dos primeiros anos do ensino fundamental do Colégio Delta, da rede particular de ensino, receberam de seus professores a difícil tarefa de construir um projeto de revitalização do rio Tocantins e seus afluentes, que estão inseridos dentro do município de Imperatriz.

Para tanto, eles se aprofundaram no tema meio ambiente, estudaram, debateram e na manhã desta quarta-feira (22), professores e alunos receberam os acadêmicos Domingos Cezar e Zeca Tocantins, diretores da ONG Fundação Rio Tocantins – Memorial do Pescador.

Em palestra, o ambientalista Domingos Cezar discorreu sobre a navegação no rio Tocantins, em décadas passadas, quando era o único meio de transportar nos barcos e balsas, animais, pessoas e mercadorias por todas as cidades da região do Médio e Baixo Tocantins.

O palestrante lembrou que até o final de década de 60 e início de 80, riachos como o Cacau, Bacuri e Capivara era povoado de várias espécies de peixe e que o rio Tocantins abrigava as mais variadas espécies, bem como as lagoas e lagos desta região.

Ele explicou que o rio começou a perder seu volume de água a partir do começo da década de 80 quando se aprofundou o processo de derrubada das matas ciliares pelos grandes projetos agropecuários. “A construção das hidrelétricas também muito tem contribuído com a seca do rio Tocantins”, disse o ambientalista.

Domingos Cezar observou que hoje há um grande clamou por parte da comunidade, principalmente quando esta se sentiu ameaçada com relação ao abastecimento d’água da Caema. “Quero fazer de vocês multiplicadores nessa minha luta”, concluiu.

Após responder a questionamentos das crianças, Domingos Cezar apresentou seus livros, Alerta rio Tocantins, Ecologicamente Pensando e Expedições pelos rios Tocantins e Araguaia. Zeca Tocantins autografou seus livros, Colhedor de Manhãs e Curandeiras. ( Foto: Assessoria/ Divulgação).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *