Polícia investiga espancamento e morte contra pastor evangélico no MA

A polícia já tem um suspeito de envolvimento no crime, mas a identidade não pode ser revelada para não atrapalhar as investigações.

Maranhão Notícias

IMPERATRIZ – A Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), abriu inquérito para apurar o assassinato que teve como vítima o pastor evangélico Jorge Antonio Magalhães, 50 anos, na madrugada de segunda-feira(9) na “Praça do Curió”, na rua Floriano Peixoto com Avenida Ceará, Nova Imperatriz. Os levantamentos iniciais apontam para latrocínio (roubo seguido de morte).

As investigações apontam que o pastor seguia conduzindo uma bicicleta quando foi atacado por três indivíduos que o espancaram e fugiram levando o veículo.

Por volta das 6h da manhã populares que passavam pelo local encontraram Jorge Antonio, ainda, com vida e acionaram uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) que socorreu a vítima ao hospital, mas ela não resistiu aos ferimentos e morreu.

O pastor integra uma família tradicional de Imperatriz, a Magalhães. Ele é irmão do cantor, compositor e apresentador de TV Celim Galhães, atualmente servidor público lotado na Sedel.  Jorge tocava violão e tinha um irmão gêmeo de nome João Magalhães, que foi morto alvo de bala perdida quando estava na porta de casa há algum tempo atrás.

A polícia já teria um suspeito de participar do crime contra o pastor Jorge Antonio.

(Fotos: Divulgação).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *