Policial é morto por assaltantes dentro de loja em Imperatriz; PM procura criminosos

A policia investiga o crime como sendo latrocínio(roubo seguido de morte).

Maranhão Notícias

IMPERATRIZ – A Policia Militar deflagrou uma grande operação, com apoio do Centro Tático Aéreo(CTA), para tentar prender dois homens que assaltaram uma loja de produtos eletrodomésticos e na ocasião mataram com um tiro no rosto o policial militar Wanderson Monteiro dos Santos Dias. A ação criminosa se deu no início da tarde desta segunda-feira(23). Toda a ação dos criminosos foi registrada por câmeras de segurança.

Segundo informações da polícia, dois homens entraram no estabelecimento comercial localizado na rua Paraíba, bairro Juçara, como se fossem clientes e em seguida deram voz de assalto. O policial, que estava de folga e sem farda, pode ter sido reconhecido pelos bandidos.

Numa das imagens de câmeras de segurança, um dos bandidos aparece sentado na loja e em seguida atira contra o militar que morreu na hora.

O delegado Praxisteles Martins, titular da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa(DHPP), disse à imprensa que após atirar no militar os bandidos continuaram na loja, inclusive conduziram algumas pessoas que estavam no local para um dos cômodos onde estas ficaram trancadas.

Os criminosos fugiram do local levando apenas um par de alianças.

Operação

Após tomar conhecimento do caso, a PM montou uma grande operação para prender os bandidos, mas até a postagem desta reportagem ninguém, ainda, havia sido preso. Até o fim da tarde o helicóptero do CTA fez voos na área dos bairros Santa Inês e Santa Rita a procura dos autores do crime.

O policial Wanderson Monteiro, tinha 27 anos, e ingressou na Polícia Militar do Maranhão em 2018. Ele era lotado no município de Buriticupu, mas morava em Imperatriz. E deixa esposa que está grávida.(Foto: PM-Divulgação).

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *