“Só não se deu por satisfeito só quem realmente não quis”, diz Alair Firmiano

 

O secretário falou durante pouco mais de duas horas sobre contratos na área de saúde e foi sucedido por Hustânia Brito, coordenadora de Manutenção do HMI..

Maranhão Notícias

IMPERATRIZ – O secretário de saúde, Alair Firmiano avaliou de forma positiva sua ida a Comissão Parlamentar de Inquérito que apura supostas irregularidades em contratos na saúde pública municipal de Imperatriz. O titular da Semus foi ouvido pela CPI durante pouco mais de duas horas, na tarde dessa terça-feira (25)

Alair Firmiano começou sua fala respondendo ao vereador João Silva sobre os contratos firmados pelo Município na área da saúde, ocasião em que fez uma introdução em que explicou quais as empresas prestavam serviços e como eram os contratos.

“Na verdade o que nós tínhamos em 2016 não era uma empresa que prestava serviço de manutenção para o Município de Imperatriz, ao contrário do que se pensa. Na verdade tínhamos em torno de dezessete contratos, às vezes uma empresa tinha mais de um contrato porque o contrato era feito por equipamento, e somando essas empresas todas Imperatriz gastava em torno de três milhões de reais ano para fazer uma manutenção que não existia”, explicou.

O titular da Semus negou que a gestão municipal tivesse contratos com empresas de manutenção de equipamentos no Hospital Municipal (HMI) com valores superfaturados.

“Esses vinte contratos tinham o mesmo valor de hoje, não tem valor superfaturado, não tem valor diferente, o que tem de diferente hoje é o serviço que é bem executado”, destacou.

Sobre a participação na CPI, ele disse que não deixou nenhuma pergunta sem resposta.

“Conseguimos esclarecer tudo, todas as dúvidas dos vereadores, só não se deu por satisfeito quem realmente não quis, mas foi tudo respondido a contento, mostramos que não há irregularidade em qualquer contrato com a Secretaria de Saúde”, finalizou Alair Firmiano após o termino de sua fala.(Foto: Maranhão Notícias).

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *